Estamos nos separando, e ai quem fica com o cão?



Essa é uma dúvida de muitas pessoas hoje em dia. É comum ver cada vez mais um casal feliz com um cãozinho como membro da família mas infelizmente as coisas não saem como planejado e o casal se separa. E então, quem vai ficar com o cão que antes pertencia aos dois?

Não existe uma lei na constituição brasileira, ou no conselho de ética que regulamente a guarda de um cão. Apesar de ser preciso pois cada vez mais se torna um problema comum na hora do divorcio ou até no término de um relacionamento, ou uma amizade ou namoro. Mas como não existem essas leis, possuímos alguns critérios para levar em consideração nessa decisão de quem fica com o cão.


1- Quem tem mais tempo para dar atenção ao cão. caso contrario ele poderá desenvolver Ansiedade de Separação.

2 - Quem o cachorro prefere. É normal que os cães fiquem mais apegado a um dos donos. Respeitar essa preferência do cachorro é algo a se levar em consideração.

3 - Quem tem mais liderança sobre o cão. É comum um dos integrantes do casal ter mais pulso firme e ser considerado o líder da matilha. Tirar um cão de perto do seu líder pode não ser bom para o seu psicológico.
4 - Possuir boa condição financeira. O cão exige gastos como visitas ao veterinário, vacinas, medicamentos e ração de boa qualidade, brinquedos, etc.
Apesar de ser importante o cão ter um lar fixo, nada impede que quem não ficar com o cão fique com ele de vez em quando, pegue no fim de semana, cuide quando o outro for viajar.

Um bom dia para todos!
Equipe PERSONAL BOM PRA CACHORRO

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo