Doença do carrapato como prevenir seu pet? O que é? Sintomas e tratamentos.



O que é?


A erliquiose ou erlichiose mais conhecida como a doença do carrapato é uma bactéria parasita intracelular, essa doença é mais comum durante o verão, pois os carrapatos precisam de calor e umidade para se reproduzir.


Essa doença é muito perigosa, e pode até levar o seu cão a morte. Por isso, a qualquer alteração, é importante que você corra com ele para o médico veterinário. Vale lembrar que como ela é transmitida pela picada de um carrapato, no mesmo momento outras doenças podem ser passadas para o animal como a Babesia, Hepatozoon e Hemobartonella canis.


Como meu cão pode pegar essa doença?


A doença é transmitida de um cão contaminado para um cão sadio através do carrapato.

O parasita irá infectar os glóbulos brancos do sangue, o carrapato suga o sangue de um cachorro contaminado e transmitem para outros cachorros.


- Quais os sintomas?


A Erliquiose pode ter três fases:


1-Aguda: Febre, falta de apetite, perda de peso, e tristeza que pode surgir entra uma e três semanas após a infecção. O cão pode apresentar também sangramento nasal, urinário, vômitos, manchas avermelhadas na pele e dificuldade respiratórias.


2-Subclínica: O cachorro não mostra nenhum sintoma clínico, apenas alterações no exame de sangue. Em alguns casos o cão apresenta sintomas como inchaço nas patas, perda de apetite, mucosas pálidas, sangramentos, cegueira, entre outros.


3-Crônica: Perda de peso, abdômen sensível e dolorido, aumento do baço, do fígado e dos linfonodos, depressão, pequenas hemorragias, edemas nos membros e maior facilidade em adquirir outras infecções. O animal também pode apresentar sangramento crônicos devido ao baixo número de plaquetas.


Tratamento


O tratamento é feito à base de medicamentos, sobretudo os antibióticos, é necessária a complementação do tratamento com soro ou transfusão de sangue, dependendo do estado do animal.


O tratamento pode durar de 21 dias (se iniciado na fase aguda) a 8 semanas (se iniciado na fase crônica).

Vai depender da precocidade do diagnóstico, do quadro dos sintomas e a fase em que o animal se encontra no início do tratamento.


Como prevenir


Não existe vacina, para evitar a doença o controle de carrapatos é essencial.


Verificando a presença de carrapatos no cão com frequência, desinfetar o ambiente onde o animal vive manter a grama do jardim sempre curta, usar produtos veterinários como sabonete, shampoo para carrapatos e talcos.


Há vários produtos contra carrapatos, os mais vendidos são os frontiline e o Scalibor(coleira anti carrapatos).


Uma boa tarde para todos que acompanham nosso Blog.

Equipe PERSONAL BOM PRA CACHORRO

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo